quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Qual é a sua marca registrada?



Tem algum acessório que você usa com freqüência? Aquela peça considerada indispensável como complemento dos seus looks e que você talvez tenha em vários tipos, materiais ou cores diferentes? Pode ser desde certo tipo de anel, lenço, colar, pulseira(s), relógio, cinto ou qualquer outro item que sirva como complemento e que realce seu visual. Pode ser também através da forma de usar estes itens, como o anel em um dedo específico, a forma de amarrar o lenço ou onde usá-lo, uma combinação diferenciada de colares ou pulseiras entre si ou com relógios, a forma de amarrar ou prender um ou mais cintos ou de combiná-los com outros itens.

Qualquer uma destas peças, se usadas com freqüência e de forma criativa e diferenciada, invariavelmente acabarão se tornando sua “marca registrada”, ou seja, itens que você usa, se identifica, e que ao serem vistos farão com que os outros lembrem-se de você, tornando-se assim, parte do seu estilo pessoal.

Ter uma marca registrada é válido e faz parte do processo de individualização e de diferenciação através do visual, tornando-o único. Além de simpatizar com este item ou com a forma de usá-lo, ele deve “cair” especialmente bem em você.

Quando alguém comentar que lembrou de você ao ver algum acessório que era "a sua cara", pode estar certo de que este já faz parte do seu estilo pessoal e é sua marca registrada ou uma de suas marcas registradas, pois também pode-se ter mais referências a respeito do próprio estilo.

E você, já identificou a sua?

Nenhum comentário:

Postar um comentário